Citrus

{Citrus spp.}
O escurecimento interno do citrus se deve à falta de boro.

Determinar Deficiências de Boro

Escurecimento interno do citrus devido à falta de boro.

Casca espessa e gomose interna.

Determinar Deficiências de Boro

Casca espessa e gomose interna.

laranja boa versus com deficiência

Determinar Deficiências de Boro

Casca espessa e gomose interna (esquerda, centro).

Deficiência de boro em citrus

Os sintomas foliares da deficiência de boro no citrus não são muito característicos e uma suspeita de deficiência na base da folha deve ser confirmada por sintomas no fruto. Os primeiros sinais aparecem nas folhas mais jovens como manchas aquosas que se tornam transparentes. As nervuras tendem a ser espessas, rachadas e lembrarem cortiça. As folhas jovens murcham e enrolam, e têm uma coloração verde amarronzada esmaecida sem nenhum brilho. O perecimento das extremidades das folhas é comum. Um exsudato gomoso poderá surgir nos galhos e nos pedicelos do fruto.

Os frutos, que são pequenos, encolhem e endurecem na árvore. Eles apresentam caracteristicamente uma formação gomose interna, em geral no albedo, mas também no núcleo. Normalmente, as gomoses não podem ser vistas a menos que o fruto seja cortado. Essa característica ajuda a diferenciar a deficiência da Impietratura. A casca é espessa e o fruto tem um teor baixo de suco. Ocorre a queda excessiva dos frutos jovens, resultando em produções muito baixas. Isso poderá ser o primeiro sinal de um problema de deficiência de boro. É provável que as sementes não se desenvolvam por completo, e o tegumento escurece e encolhe.

Aplicação no solo (Taxas de aplicação sugeridas)

  Granubor Topbor F
LBS/ACRE 7-14 7-14
KG/HA 7.88 - 15.75 7.88 - 15.75

Adubação foliar (Taxas de aplicação sugeridas)

  Solubor
LBS/ACRE 1.2-3.6
KG/HA 1.35 - 4.05